📦 PORTES GRÁTIS EM ENCOMENDAS DE VALOR SUPERIOR A 40€ PARA PORTUGAL 📦

#Infinitepeople Inês, a CEO

#Infinitepeople Inês, a CEO

14/agosto/2020

A Inês, de 29 anos, é CEO do Movimento Transformers e presenteou-nos com o seu testemunho. O #Infinitepeople desta semana foi assim:

Como conheceste a Infinitebook?

Pelo Instagram, porque estava a gerir um projeto do governo português sobre sustentabilidade ambiental e apresentaram-me a infinite como boa prática :)

Qual foi o teu primeiro Infinitebook? Não te conseguiste conter e compraste mais algum?

Ora, então: eu tenho 4 Infinitebooks, só me falta um A4 que na verdade nesta quarentena ia ser mesmo útil. O meu primeiro foi um A5 básico de capa verde que já tem mais de 4 anos mas está para as curvas.

Como e para que fim utilizas o Infinitebook?

Uso essencialmente para construção de propostas, novas ideias, novos projetos, retirar outputs de reuniões, desenhar processos de reflexão, organizar as minhas semanas, etc. Basicamente como tenho 4 divido-os: tenho sempre um na mochila, outro na secretaria do escritório, outro em casa.

Um destes 4 é tamanho A6, o tamanho mais pequeno de todos que utilizo sempre em eventos para tirar notas e gerir os painéis de pessoas convidadas quando sou host. 

O que achaste da experiência e como foi evoluindo ao longo do tempo?

Já passei por muitas fases. No início só usava para coisas descartáveis que sabia que não eram muito importantes e não precisava de reter, depois passei a usar sempre e eliminei o papel da minha vida, sempre que usava o infinite e antes de o apagar todo passava as coisas importantes para a drive. Agora estou num modelo híbrido, uso todos os dias, é a minha melhor ferramenta para ter ideias e fazer evoluir processos criativos, acabo por guardar algumas coisas no computador mas funciona muito bem sendo o meu depósito de tudo!

Tens alguma dica para quem esteja a ler?

Ter duas cores de caneta ajuda imenso a manter a organização dentro do próprio caderno, tentem passar coisas importantes para outro sítio (existem imensas apps de scan) isso vai deixar-vos mais tranquilos e permite apagar sem medos, por último: vão apagando gradualmente e não deixem o caderno todo cheio senão vai ser mais difícil ganhar essa rotina.

 



Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem apresentados.